Notícias
Candidatos à presidência da OAB-MS apresentam propostas a procuradores

Na Associação dos Procuradores do Estado de MS (Aprems), a semana foi de debate e apresentação de propostas à advocacia pública dos candidatos à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso do Sul (OAB-MS). Passaram pela instituição Jullyy Heyder da Cunha Souza, Rachel de Paula Magrini Sanches e Mansour Elias Karmouche. 
 
July
Jully Heyder, defendeu mais transparência na instituição, e mais medidas de combate à corrupção em todos os organismos estatais. “Esta é uma bandeira que temos de defender veementemente”. Na chapa liderada por Heyder, o procurador Ivanildo Silva da Costa representa a advocacia pública. 
 
Rachel 
Rachel Magrini, a primeira mulher candidata à presidência da OAB-MS em 28 anos, mostrou-se mais favorável ao diálogo para a solução de conflitos e garantir as prerrogativas dos advogados de Mato Grosso do Sul, inclusive os da advocacia pública. “Um dos nossos maiores problemas hoje é construir um canal de comunicação com as outras instituições, porque não temos mais essa comunicação. Por exemplo, falamos muito sobre a morosidade dos processos, só que não é dizer que é culpa de uma parte ou de outra”, afirmou a candidata. Na chapa de Rachel, o procurador Nilton Kiyoshi Kurashi representa a advocacia pública no conselho da instituição. 
 
Mansour
Atual presidente da OAB-MS, e candidato à reeleição, Mansour Karmouche, também exaltou o diálogo como meio para a OAB resgatar seu protagonismo na sociedade. “Nós conseguimos recuperar a imagem desgastada com o passado recente de muitas brigas e de muitos conflitos internos para realmente fazer uma abordagem totalmente diferente, tanto para a advocacia, quanto para a sociedade”
Há três representantes da advocacia pública na chapa de Karmouche.  Cláudia Elaine Novaes Assumpção e Jucelino Oliveira da Rocha estão entre os conselheiros estaduais titulares, e Fábio Jun Capucho, entre os suplentes. 
ANAPE
ANAPE